Como Ajudar

Faça o seu donativo

Seja Padrinho/Madrinha de uma criança Moçambicana e dê-lhe a possibilidade de um futuro melhor!

Como Ajudar

Apadrinhe uma criança

Junte-se a um grupo, fora ou dentro, da sua empresa e apadrinhe de forma total ou parcial um dos nosso projetos. Comprometemo-nos a dar com regularidade toda a informação detalhada e personalizada sobre o projeto que decidir apoiar.

Como Ajudar

Associe-se a um projeto

Pode fazer o seu donativo através do seu cartão de crédito, em dinheiro, transferência bancaria, deposito no balcão ou através de débito direto!

Dia 1: A Laurinda tem finalmente um tecto e uma família

Laurinda Wamusse, sete anos, está na 2ª Classe e vive com a tia Helena, a irmã Vitória e os primos numa palhota, em Chongoene. Hoje vai à escola e a tia recebe mensalmente a cesta básica da UPG com géneros alimentícios. Mas nem sempre foi assim. Não conheceu o pai e da mãe não se lembra pois abandonou-a em bebé.

Quando foi encontrada pelas Irmãs Dominicanas, arrastava-se, no chão, tal como a irmã, pois as suas pernas não suportavam o peso do corpo. No hospital, o médico falou de subnutrição – abandonadas escavavam no chão a mandioca que lhes servia de alimento. No período que estiveram no hospital, a Irmã Aparecida procurou familiares que pudessem tomar conta das crianças.

Encontrou a tia Helena, que olhava pelas crianças, mas não tinha comida para lhes dar. Inseridas no projeto de Apadrinhamento da UPG, hoje movimentam-se como as outras crianças, têm um tecto e uma família. A Laurinda recebeu uma prenda da madrinha: um peluche, uma caixa de cinderela, com ganchos e outros enfeites e uma T-shirt.  Ficou muito feliz!

Doar aqui!