“Meu nome é Agredisse estou na sétima classe. Estou na UPG desde quarta classe. Sinto que o projecto me ajuda muito e a todas as outras crianças. Todas as ajudas que me são dadas me ajudam a crescer e sinto que minha vida mudou porque todos os meses recebo alimentação, algumas vezes roupa, atenção dos padrinhos e dos que acompanham de perto também a sala de apoio me ajuda porque agora sei ler e escrever. Só quero agradecer porque sinto que a minha vida e toda a família está a mudar.

A minha mãe não trabalha, o meu pai morreu há muito tempo. É com esta ajuda que eu até agora estou na escola, tenho o necessário para viver. A minha mãe não ia conseguir matricular-me na escola e comprar cadernos, uniformes e tudo o que preciso para crescer. Estou a pedir para me ajudarem sempre para a minha vida melhorar cada vez mais também a de todas as crianças como eu. Estou a me desenvolver. Sinto que os padrinhos são meus verdadeiros pais apesar de estarem longe. Sinto o vosso carinho.Muito Obrigada pela ajudar que me dão. Um grande abraço para todos! Agredisse”

Carta da Agredisse, 12 anos e afilhada UPG em Sº Vicente de Paulo, Chokwé.

Com €170 anuais pode apadrinhar uma criança em SVP, uma das zonas mais carenciadas da UPG. Contacte-nos!   Donativos UPG Aqui!